A que se deve

Uma mistura de sentimentos, imagens, ações, palavras, silêncios, passado, passadas… deixar a matéria correr feito um rio selvagem, deixar a chuva iluminar os caminhos tortuosos, desfalecer o futuro antes de sua prévia. Eis o que tenho a oferecer.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s