41ª Feira do Livro da FURG – Considerações

De 29 de janeiro a 9 de fevereiro, nós, moradores da cidade de Rio Grande, tivemos a oportunidade de desfrutar de um dos eventos mais bacanas do ano, a Feira do Livro da FURG. Foram 10 dias de atrações musicais, teatro e dança, conversas literárias e, é claro, muitos e muitos livros.

Particularmente, acho que os carinhas das bancas deveriam dar mais descontos. Muitas vezes é preferível deixar para comprar os livros na Vanguarda e ser feliz com bônus e/ ou desconto especial para professores. Entretanto, os saldos foram uma boa pedida. Teve gente que achou Poema sujo, do Ferreira Gullar, por R$2,50!

Fiz meus garimpos, também. Não gastei pouco na Feira, mas acho que consegui economizar na medida do possível.

Vou relatar os títulos e os respectivos valores. Não é questão de ‘olha como sou rycah’, mas sim, ‘olha como dá para comprar bons títulos a preços acessíveis na feira do livro.’ Lá vai:

– Série Grandes Mestres – Van Gogh – R$15,00

A origem das espécies, Charles Darwin – R$30,00

Ensaios de Truman Capote – R$30,00

O fenômeno da produção poética, Orlando Fonseca – R$15,00

Os doze mandamentos, Sidney Sheldon – R$10,00

Um ninho no estranho, Andréia Pires – R$10,00

Pedro Páramo e Chão em chamas, Juan Rulfo – R$20,00

Eles eram muitos cavalos, Luiz Ruffato – R$10,00

Indagações de hoje, Ferreira Gullar – R$2,50

Ressurreição, Machado de Assis – R$2,50

Os sinos da agonia, Autran Dourado – R$5,00

Um retrato do artista quando jovem, James Joyce – R$20,00

Cadeira de balanço, Carlos Drummond de Andrade

Macunaíma, Mário de Andrade

Mel e Girassóis, Caio Fernando Abreu

A legião estrangeira, Clarice Lispector (esses quatro citados, R$49,00)

A multidão

A multidão

O bacana foi encontrar uns livros que pensei que nunca mais veria na vida, como foi o caso de Os doze mandamentos, do Sidney Sheldon. Eu lia muito esse livro quando tinha uns 11 ou 12 anos. Achava muito legal a ideia de quebrar os mandamentos sagrados e se dar bem na vida, como o livro de contos sugere.

IMG_1772

Sessão nostalgia com o Sidney Sheldon, acompanhado por umas teorias sobre poesia, Juan Rulfo e Andréia Pires, com o encantados ‘Um ninho no estranho.’

A origem das espécies foi um grande achado, pois eu só encontrava a edição da Martin Claret, vamos combinar né… Essa editora não merece nossa credibilidade at all. Como vou usar na tese, não pensei duas vezes. Espero que a tradução seja direitinha, pelo menos.

Joyce, Van Gogh, Darwin e Capote - coisa boa e barata.

Joyce, Van Gogh, Darwin e Capote – coisa boa e barata.

Os Ensaios, do Truman Capote, acabaram sendo uma grande barganha. Na Internet, encontrei por cinquenta reais e na Feira, nos últimos dias, já estava quarenta. Economia = felicidade.

Daí, enchi sacolas com Os sinos da agonia, que só comprei porque um amigo fez uma dissertação sobre, daí penso que deve valer a pena ser lido; Um retrato do artista quando jovem, porque pode despertar uma coragem para a pessoa ler o Ulysses logo de uma vez, enfim, essas coisas.

Um pessoal das antiga

Um pessoal das antiga

O do Van Gogh é muito legal. Tem comentários sobre as pinturas e um pouco sobre a vida dele. É um dos meus artistas favoritos, adoro o The starry night. =)

Isso foi a garimpada no fundo do poço. O que eu vi na Feira foi muita literatura infanto juvenil, principalmente da série Fundamentos, alguma coisa de livro espírita, mas não a ponto de querer se matar, muita banca com livros novos legais – porém, caros. Pouco livro de poemas… achei a Poesia completa do Manoel de Barros, Toda poesia, do Leminski, mas não consegui nada do João Cabral de Melo Neto, por exemplo.

Enfim, estava mais interessante que a de Porto Alegre, onde encontrei muito livro caro e poucos saldos que valessem a pena.

Drummond nunca é demais. Esse do Ruffato faz um tempinho que fiquei curiosa pra ler. O Machado veio pq tava super barato e o Gullar, também.

Drummond nunca é demais. Esse do Ruffato faz um tempinho que fiquei curiosa pra ler. O Machado veio pq tava super barato e o Gullar, também.

Off.

Anúncios

2 pensamentos sobre “41ª Feira do Livro da FURG – Considerações

  1. Senti uma inveja boa agora, você tem A origem das espécies, e eu não! haha
    E do Sheldon só tenho O Cliente e olha, era um autor que gostava de passar o tempo, tenho que buscar algum novo título 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s