Problemas da poética de Dostoiévski- Mikhail Bakhtin

Taí um livro que todo o pesquisador da área da literatura TEM QUE TER. Não interessa se vai trabalhar prosa ou poesia, se estudará os mimimis pós coloniais ou levantará a bandeira feminista: Bakhtin é obrigatório. Não é um autor “barato”, comprar livros de sua autoria pode sair bem salgado. Mas acredito não ser nada comparado ao grande tesouro deixado por esse homem que foi perdendo os pedaços (literalmente!) sem perder a ânsia de estudar a fundo a Literatura (sim, para mim ela é uma entidade divina com direito a letra maiúscula), sem contar a sua contribuição para a linguística também.

Aqui, um trecho da introdução do livro em debate:

“O presente livro é dedicado aos problemas da poética de Dostoiévski e analisa a sua obra somente sob esse ângulo de visão.

Consideramos Dostoiévski um dos maiores inovadores no campo da forma artística. Estamos convencidos de que ele criou um tipo inteiramente novo de pensamento artístico, a que chamamos convencionalmente de tipo polifônico. Esse tipo de pensamento artístico encontrou expressão nos romances dostoievskianos, mas sua importância ultrapassa os limites da criação romanesca e abrange alguns princípios básicos da estética europeia. Pode-se até dizer que Dostoiévski criou uma espécie de novo modelo artístico do mundo, no qual muitos momentos basilares da velha forma artística sofreram transformação radical. Descobrir essa inovação fundamental de Dostoiévski por meio da análise teórico-literária é o que constitui a tarefa do trabalho que oferecemos ao leitor.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s